Prólogo

Prólogo é a introdução, um discurso preliminar, o preâmbulo. Acho que até por isso deveria ter sido este o post de abertura do meu blog, mas “queimar a largada” é comigo mesmo.

Prólogo também foi o primeiro álbum de um grande Amigo e Mestre, Sidnei de Oliveira.

Eu o conheci num show de outro Violeiro, o Pereira da Viola, um dos nomes mais importantes em relação a cultura nacional e a Viola de 10 cordas. Pereira agradecia a presença de todos ali e ao melhor violeiro do Brasil, Sidnei.

Bom, eu que achava que conhecia alguma coisa de Viola fiquei encafifado, pois achava que deveria saber quem seria o melhor do Brasil. Mas, como disse, “queimar a largada” é comigo mesmo. Assim que acabou o show fui trocar uma idéia com ele.

Enfim, acabei virando aluno dele e fui cada vez mais aprofundando em musica e em Viola Caipira.

Sidnei foi o ganhador do Primeiro Prêmio Syngenta de Viola Caipira, o mais importante que rolou para o instrumento. Ele tocou uma composição própria em afinação Rio Abaixo. Veja só como foi a apresentação!

Assim como todo bom musico, a peleja para conseguir divulgar seu trabalho era imensa e o projeto para a gravação de seu primeiro álbum solo já corria na tentativa de conseguir um patrocínio.

Este assunto era recorrente em nossas conversas e sempre quis saber um pouco mais dos projetos. Varias inscrições em programas de incentivo a cultura rolavam, mas, o que não rolava era a aprovação. A mistura da Viola Caipira com a musica clássica ainda não é algo tão aceito pelos “classúdos” ou pelos “matutos”

Um dia ele recebe a aprovação do seu projeto num programa de apoio pela FUNARTE. Um edital que aprovou um número bem enxuto de projetos e com um monte de gente cascuda. Muito merecido.

O projeto tinha um verba também enxuta e foi ai que ele me propôs:
– Você não quer fazer as fotos da gravação em estúdio?
– Respondi: Carpaccio, eu?

Mas, lógico que não deixaria de ajudar o Amigo, pois sabia que minha contribuição seria importante para ele.

Senti o peso da responsa e fui atrás de saber um pouco mais de fotografia para tentar atender o mínimo de suas expectativas.

As coisas foram rolando e consegui acompanhar parte das gravações e fiz algumas fotos, além de outras que fiz em alguns shows que ele tocou.

Meu Irmão Renato Pontello também participou do álbum, sendo o Criador da capa, do layout do encarte, Ilustrador e tudo mais. Veja como ficou!

O disco é lindo e você poderá baixá-lo aqui!!

Desculpe um texto tão grande, mas é impossível falar pouco deste Cara que contribuiu tanto para minha formação na musica, como pessoa e em fotografia. Sua atitude me fez ir atrás da Fotografia e hoje sou dela, de alguma forma.

Anúncios

Um pensamento sobre “Prólogo

  1. “Super Plus ”
    Estava querendo entender o que era esse trabalho,
    e vendo nessa apresentação bonita,
    com suas fotos costumeiramente “Bem Olhadas” –
    ficou definido, ficou lindo!

    Parabéns

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: